Pesquisar este blog

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Constelação da Serpente (cabeça e cauda)



Serpens (Ser), a Serpente, é uma constelação do equador celeste. O genitivo, usado para formar nomes de estrelas, é Serpentis. A constelação tem a peculiaridade de ser dividida em duas partes, separadas pelo Serpentário: Serpens Caput e Serpens Cauda.A Cabeça da Serpente fica predominantemente no hemisfério celestial norte, e faz fronteira com Hercules, Corona Borealis, Boötes, Virgo e Libra. A Cauda, mais ao Sul, tem por vizinhas Aquila, Sagittarius e Scutum.

2 comentários:

Dru Arnaldo de Nicola Macchione Macchione disse...

Depois de morto por Zeus por um raio Esculapio foi transportado até lá dividindo a Serpentis ao meio, seu nome significa aquele que corta,extirpa e foi honrado por seus poderes na medicina, assim como a serpente que muda de pele e se transforma como aquela que renasce...
Alem do que é em seu veneno que se encontra a cura para o mesmo!

Dru Arnaldo de Nicola Macchione Macchione disse...

Serpente e Serpentario a natureza toma seu curso como as águas do nosso tempo tem sido tema e tom das mudanças fechando os ciclos em si, um continuum , circulo sem centro, destino e acaso sem circunferencia